Banner Top
Domingo, 19 de Novembro de 2017

O PERIGO DA COMPLACÊNCIA DIANTE DE UM CENÁRIO MELHOR

Desde o final dos anos 1970, o simpósio econômico anual de Jackson Hole, nos Estados Unidos, reúne autoridades monetárias, acadêmicos e participantes do mercado para discutir temas econômicos. Faz tempo que o humor não é tão positivo.

Acumulam-se evidências de que a retomada da economia global vem ganhando força e amplitude. Nos Estados Unidos, a confiança está elevada, e os últimos indicadores sugerem expansão anualizada de 3% no terceiro trimestre. Na Zona do Euro, o otimismo está no maior patamar desde meados de 2007. Faz seis anos que o crescimento acumulado em 12 meses não é tão elevado.

O Japão cresceu pelo sexto trimestre consecutivo, o que não ocorria desde 2001. Além disso, a expansão de 4% em termos anualizados no segundo trimestre veio quase duas vezes maior do que as expectativas consensuais. A China segue avançando em bom ritmo, um pouco menos de 7% ao ano.

Até o Brasil, com todos os ruídos políticos e a incerteza com relação às próximas eleições, vai deixando a recessão para trás. No segundo trimestre, a economia registrou crescimento anualizado de 1%, puxado pelo consumo privado e pela demanda externa. Apesar de medíocre, a notícia deve ser celebrada, dadas as circunstâncias.

Juntando tudo, as informações parciais sugerem que o PIB mundial pode ter apresentado no trimestre passado o maior crescimento desde 2010. Esse ambiente de crescimento, acompanhado de farta liquidez e diluição da maioria dos riscos que estavam no radar no início do ano – como a possibilidade de adoção de políticas inflacionárias nos Estados Unidos ou de surpresas eleitorais negativas na Europa –, favorece o avanço dos preços de ativos de risco.

O maior perigo de uma conjunção tão favorável de fatores é a complacência dos mercados diante de riscos cujos timings são difíceis de serem estabelecidos. Apesar do tom otimista que prevaleceu em Jackson Hole, vozes mais temperadas, como a de Janet Yellen (chairwoman do FED) e de Mario Draghi (chairman do BCE), chamaram atenção para dois perigos.

Primeiro, não há indícios de elevação do potencial de crescimento econômico em prazos mais longos relativamente aos níveis deprimidos dos últimos anos. Isso depende de reformas nem sempre populares, fora do alcance da política monetária. O alívio recente pode fazer com que os políticos adiem agendas difíceis. Segundo, não é confortável observar a pressão por afrouxamento de padrões regulatórios estabelecidos após a crise, justamente em um período em que os mercados parecem aceitar riscos sem hesitação.

Celso Toledo
Celso Toledo
Colunista
Celso Toledo celso.toledo@ e2economia.com.br Doutor em economia pela FEA-USP, sócio-diretor da E2 e da LCA e colunista da revista "Exame".

Últimas edições

Guga Kuerten
Grazi Massafera
Mateus Solano
Klebber Toledo
Patrícia Poeta
Gabriel Medina
Juliana Paes
Rodrigo Hilbert
HUGH JACKMAN
Carol Castro
Débora Falabella
Paulo Gustavo
Dan Stulbach
Letícia Spiller
Camila Queiroz
Glenda Kozlowski
Maria Casadevall
Olivier Anquier
Camila Coutinho
Fernanda Lima
Pedro Andrade
Preta Gil
 Jaqueline Carvalho
Taís Araújo e Lázaro Ramos
Cleo Pires
Mauricio de Sousa
Carol Trentini
Star Alliance
Fábio Porchat
Marília Gabriela
Fernanda Paes Leme
Paolla Oliveira
Flávio Canto
Bruna Markezine
Marina Ruy Barbosa
Ingrid Guimarães
 Malvino Salvador
Isabelli Fontana
Deborah Secco
Meninos do vôlei
Miguel Falabella
Daniel Alves
Luiza Valdetaro
Giovanna Antonelli
Wagner Moura
Revista Giovanna Ewbank
Antonio Fagundes
Reynaldo Giane
Fernanda Motta
Paulo  Gustavo
Cláudia Raia
Maria Fernanda
João Paulo Diniz
Tatá Werneck
Fernando Torquatto Avianca
Junior Cigano
Max Fercondini
 Isis Valverde
 Robert Scheidt
Glória Maria
Alessandra Ambrósio
 Alinne Moraes Luiz Tripolli
Sabrina Sato
Tiago Abravanel

Media Onboard

Responsável por todo o entretenimento e mídia de bordo das aeronaves Avianca Brasil, oferecendo diversas plataformas criativas online e off-line para impactar o público alvo.

anuncie
  • Vencemos o 30º prêmio Veículos de Comunicação como revista customizada de 2016
RegistrationLogin
Sign in with social account
or
Lost your Password?
RegistrationLogin
Sign in with social account
or
A password will be send on your post
RegistrationLogin
Registration