Voltar

Cultura

Agenda

Cinema

Entrenimento a Bordo


Voltar

Lifestyle

Gastronomia

Vinhos

Inspire-se

Family Trip

Expedição

Colunas


Voltar

Capa

Edição atual

Making of

Celebridades

Edições anteriores


Edição Atual Família Schurmann faz contagem regressiva para a próxima aventura

Família Schurmann faz contagem regressiva para a próxima aventura

Heloisa Schurmann

Família se prepara para viagem em busca de soluções inovadoras para salvar os oceanos

 

Em 2019, completamos 35 anos de aventuras pelos mares do planeta, preparando nosso veleiro e tripulação para a nossa próxima grande expedição. Sim! Entramos na contagem regressiva para a “Voz dos Oceanos”, que deve começar no segundo semestre desse ano. Depois de duas voltas ao mundo inspiradas em feitos do passado (a primeira e histórica circum-navegação comandada por Fernão de Magalhães e as grandes navegações dos chineses no século 15), partiremos de olho no futuro.

 

É claro que o passado – assim como o presente – permanece sendo uma importante lição. Em três décadas de aventuras, que incluem três voltas ao mundo, a principal e mais preocupante mudança que testemunhamos foi a invasão do plástico. Já mencionei em oportunidades anteriores, mas foi assustador encontrar uma quantidade absurda de lixo em uma ilha deserta, inabitada, de difícil acesso, durante a “Expedição Oriente”. Porém, essa lição – que entristece e preocupa – também nos inspira e nos motiva a partir novamente. É por isso que, dessa vez, vamos zarpar em busca de respostas e soluções possíveis. É hora de navegar rumo a um novo futuro – melhor do que as projeções atuais.

 

Temos consciência da nossa ousadia. Trabalhamos anos no desenvolvimento de um projeto global, maior que os anteriores. Com a “Voz dos Oceanos”, vamos testemunhar e registrar, in loco, o que está acontecendo nos mares. Mas vamos além da denúncia. Navegaremos em busca de soluções inovadoras que poderão mudar esse cenário, ao mesmo tempo em que batalharemos para conscientizar as pessoas ao redor do mundo para a necessidade de ações urgentes. Esta é uma causa que depende de cada um de nós.

 

 

Nessa missão, desenhamos uma rota com pontos estratégicos: locais distantes e contrastantes do planeta, capazes de revelar os danos causados aos oceanos. Nosso roteiro nos levará de volta a Fernando de Noronha, Patrimônio Mundial da Humanidade, onde foi recolhido, em apenas 6 meses, 200 quilos de plásticos vindos de vários países. Iremos também, pela primeira vez, para a ilha de Manhattan e vasculharemos Nova York, cidade que produz 36.200 toneladas de lixo por dia.

 

Serão muitas novidades e desafios, e o planejamento e os preparativos seguem afinados. Já estou em ritmo de contagem regressiva, orgulhosa e ansiosa para ajudar o mundo a escutar, compreender e respeitar a voz dos oceanos!

SUA VIAGEM NA REVISTA

Envie sua foto e conte porque mais pessoas deveriam conhecer este lugar.

Você pode gostar

VER MAIS